Translate this Page
Votação!
O que você acha do site?
Excelente
Regular
Ruim
Ver Resultados

Rating: 4.7/5 (189 votos)


ONLINE
1




 

 


Informações sobre a Bíblia Sagrada
Informações sobre a Bíblia Sagrada

 

Vamos conhecer um pouco sobre o que é a bíblia sagrada. A palavra Bíblia vem do grego “Biblios” que significa biblioteca, ela se divide em duas partes o antigo testamento (AT) e o novo testamento (NT). Os dois testamentos juntos contém 66 livros, sendo 39 do AT e 27 do NT, que foram escritos num espaço de aproximadamente em 1600 anos por cerca de quarenta autores.

 

Conhecendo o significado da palavra Testamento

 

Significa “Aliança ou pacto.” O Velho Testamento é a aliança que Deus fez com o homem quanto a sua salvação  antes de Cristo vir e foi feita através de Moisés no monte Sinai com o povo de Israel (Ex 24.7,8; Dt 5.1-3).

O Novo Testamento é o pacto que Deus fez com o homem através de seu Filho Jesus Cristo, por quem toda a humanidade é salva.

Porque isto é o meu sangue, o sangue do novo testamento, que é derramado por muitos, para remissão dos pecados. Mateus 26:28 ACF

 

O  Velho Testamento se divide em 5 partes:

 

  1. A Lei de Moisés:  Gênesis, Êxodo, Levítico Números e Deuteronômio.
  2. Livros Históricos: Josué , Juízes, Rute, I Samuel, II Samuel, I Reis, II Reis, I Crônicas, II Crônicas, Esdras, Neemias, Ester.
  3. Poéticos: Jó, Salmos, Provérbios, Eclesiastes, Cantares.
  4. Profetas Maiores: Isaías, Jeremias, Lamentações de Jeremias, Ezequiel e Daniel.
  5. Profetas Menores: Oséias, Joel, Amós, Obadias, Jonas, Miquéias, Naum, Habacuque, Sofonias, Ageu, Zacarias, Malaquias.

 

O Novo Testamento se divide em 5 partes:

 

  1. Evangelhos: Mateus, Marcos, Lucas e João.
  2. Histórico: Atos dos Apostólos.
  3. Profético: Apocalipse
  4. Epístolas do apostolo Paulo: Romanos, I Coríntios, II Coríntios, Gálatas, Efésios, Filipenses, Colossensses, I Tessalonissenses,  II Tessalonissenses, I Timóteo, II Timóteo, Tito, Filemom.
  5. Epístolas Gerais: Hebreus, Tiago, I Pedro, II Pedro, I João, II João, III João, Judas.

 

Escritores da Bíblia Sagrada

 

Os escritores foram reis e príncipes, poetas e filósofos, profetas e estadistas, alguns eram instruídos em todo o conhecimento da sua época (Gl 1.13,14) porém outros eram pescadores sem cultura (Atos 4.13). O interessante é que os escritores escreveram em quase toda forma de estilo literário imaginável.

Lendo e conhecendo a bíblia sagrada vamos perceber que existe unidade e harmonia do início ao fim. Isto só pode ser explicado de uma forma, existia uma mente dominante elaborando tudo. Cada parte das escrituras foi inspirada por uma só pessoa, Deus.

Sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação.
Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo. (2 Pedro 1:20,21 ACF)

 

A Bíblia Sagrada é ou Contém a palavra de Deus?

 

Se estudarmos os livros contidos na Bíblia, se conhecermos o seu conteúdo, acharemos em todos eles uma unidade de pensamento a indicar que uma mente única inspirou a escrita e a compilação de toda a escritura sagrada. A Bíblia traz em si a assinatura do seu autor, que é em sentido único e distintivo, a palavra de Deus.

A Bíblia não é o relato do homem sobre os seus esforços por encontrar a Deus, porém a narração do esforço de Deus por se revelar ao homem: é o registro do próprio Deus, quanto ao seu trato com os homens, na revelação que faz de si mesmo à raça humana; é a vontade revelada do Criador do homem transmitida ao homem pelo próprio Criador, para lhe servir de instrução e direção nos caminhos da vida.

Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça;
Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra. 2 Timóteo 3:16,17
 ACF

 

Qual é a descrição central da Bíblia?

 

O Velho Testamento descreve uma nação. O Novo Testamento descreve um homem. A nação foi estabelecida  e nutrida por Deus, para que desse ao mundo o homem que redimisse toda a humanidade de seus delitos e pecados, reconciliando-a assim com o seu Criador (2Co 5.18-20).

O próprio Deus tornou-se homem para dar a humanidade uma idéia concreta, definida e palpável do que seja a pessoa que devemos ter em mente quando pensamos em Deus. Deus é tal qual Jesus. Jesus era Deus encarnado em forma humana (Jo 10.30-36). O seu aparecimento na terra é o acontecimento central de toda a história.

Do Gênesis ao Apocalipse a bíblia só tem uma mensagem: Jesus. Cristo, é o centro e o âmago da Bíblia, centro e âmago da história e centro e âmago de nossas vidas.

 

Conclusão do que é a bíblia e o que ela representa:

 

A Bíblia contém a mente de Deus, a condição do homem, o caminho da salvação, a condenação dos pecadores, e a felicidade do crente. Suas doutrinas são santas, seus preceitos são justos, suas histórias verdadeiras e suas decisões imutáveis.

Leia-a para ser sábio, creia nela para estar seguro e pratique-a para ser santo. Ela contém luz para dirigi-lo, alimento para sustentá-lo, e consolo para animá-lo. É o mapa do viajante, o cajado do peregrino, a bússola do piloto, a espada do saldado e o guia do crente.

Por ela o paraíso é restaurado, os céus abertos e as portas do inferno descobertas. Cristo é o seu grande tema nosso bem o seu intento, e a glória de Deus a sua finalidade. (fonte: Gideões)

Se você ainda não tem seu exemplar da bíblia sagrada, consiga um o quanto antes e comece a conhecer mais de Deus.

Então conheçamos, e prossigamos em conhecer ao Senhor; a sua saída, como a alva, é certa; e ele a nós virá como a chuva, como chuva serôdia que rega a terra. Oséias 6:3

 

Fonte: Biblia se Ensina - Jhonatan Faria